Arão Rebelo
Arão Rebelo

Advogado, professor e jornalista, natural de Itajaí/SC. Deputado Constituinte de 1934 e Deputado Federal representando os catarinenses, no século XX.

Informações Gerais

Nome completo
Arão Rebello
Filiação
Alfredo José Rebelo e Maria Leonor da Cunha
Nascimento
25/02/1906
Local de nascimento
Itajaí/SC
Falecimento
24/03/1989
Local de falecimento
Curitiba/PR
Formação
Direito
Profissão
Advogado, professor e jornalista
Partido
Partido Liberal (PL) e Partido Social Democrático (PSD)

Arão Rebelo

Nasceu em 25 de fevereiro de 1906, em Itajaí/SC. Filho de Alfredo Rebelo e de Maria Leonor da Cunha Rebelo. Irmão de Horácio Rebelo, padre e Deputado Estadual na Assembleia Legislativa de Santa Catarina. Casou com Julieta Brandão Rebelo e tiveram Péricles e Brígida.

Os estudos primários realizou em Itajaí. Os secundários iniciou no Colégio Santo Antônio, em Blumenau/SC, continuou-os no Colégio Catarinense, em Florianópolis/SC, e se formou no Ginásio Paranaense, em Curitiba/PR.

Começou o curso de Direito na Faculdade de Direito do Paraná, mas se bacharelou em Direito pela Faculdade de Direito do Rio de Janeiro, em 1929. Foi Procurador da Junta de Sanções em 1931.

Escreveu em vários jornais, entre eles, a Gazeta do Povo, de Curitiba, e  a Gazeta de Notícias, do Rio de Janeiro.

Pelo Partido Liberal Catarinense (PLC) - que ajudou a fundar, candidatou-se a uma das vagas de Deputado Federal por Santa Catarina à Câmara dos Deputados, sendo eleito Deputado Constituinte de 1934, participou da 36ª Legislatura (1933-1935), empossado em 19 de janeiro de 1934. Na atividade constituinte, manifestou-se contrário à concessão de direitos políticos às mulheres.

Em Santa Catarina, foi Secretário de Estado da Fazenda, da Viação, de Obras Públicas, e da Agricultura, de 1932 a 1935, Inspetor Federal do Ensino Secundário (em Blumenau), e advogado na mesma cidade.

Pelo Partido Social Democrático (PSD), concorreu ao cargo de Deputado Federal novamente, com 16.391 votos ficou suplente e, convocado, assumiu posto na 41ª Legislatura (1959-1963), de 10 de agosto a 6 de novembro de 1962, durante afastamento do Deputado Atílio Fontana.

Faleceu em 24 de março de 1989, em Curitiba/PR.

Homenagens

  • Rua Advogado Arão Rebelo, Centro, Navegantes/SC.
  • Posto de Saúde Arão Rebelo, Velha Central, Blumenau/SC.

Mandatos

Referências

ACHE CEP. Arão Rebelo. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rOTI5MDE=>. Acesso em: 30 ago. 2019.

BRASIL. Câmara dos Deputados. Biografia: Arão Rebelo. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rOTI5Mjc=>. Acesso em: 30 ago. 2019.

CONTEÚDO ABERTO. IN: WIKIPÉDIA: A ENCICLOPÉDIA LIVRE. Arão Rebelo. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNDk2NDc=>. Acesso em: 17 ago. 2017.

CPDOC. Verbete Biográfico: Aarão Rabelo. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNDk2MzQ=>. Acesso em: 17 ago. 2017.

PIAZZA, Walter F. Dicionário Político Catarinense. Florianópolis: Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina, 1994. 714 p.

PIAZZA, Walter F. O Poder Legislativo Catarinense: das suas raízes aos nossos dias 1834-1984. Florianópolis: Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina, 1984. 800 p.

STOETERAU, Lígia de Oliveira. A Trajetória do Poder Legislativo Catarinense.. Florianópolis: IOESC, 2000. 446 p.

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL. Resenha Eleitoral - Eleições Catarinenses 1945-1998. 2001. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNjI2OQ==>. Acesso em: 30 nov. 2017.

UBS BRASIL. ESF ARAO REBELO II. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rOTI5MTQ=>. Acesso em: 30 ago. 2019.

Como citar este documento
Referência

MEMÓRIA POLÍTICA DE SANTA CATARINA. Biografia Arão Rebelo. 2019. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/biografia/1044-Arao_Rebelo>. Acesso em: 11 de dezembro de 2019.

Citação com autor incluído no texto

Memória Política de Santa Catarina (2019)

Citação com autor não incluído no texto

(MEMÓRIA POLÍTICA DE SANTA CATARINA, 2019)

Memória Política de Santa Catarina