Manoel Gonçalves da Costa Barreiros
Manoel Gonçalves da Costa Barreiros

Farmacêutico e médico prático, natural de Laguna/SC. Deputado na Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina, século XIX.

Informações Gerais

Filiação
Manoel Gonçalves Barreiros e de Matildes Pereira de Jesus
Local de nascimento
Laguna/SC
Profissão
Farmacêutico e médico prático
Partido
Partido Liberal

Manoel Gonçalves da Costa Barreiros

Nasceu em Laguna/SC. Filho do comerciante Manoel Gonçalves Barreiros e de Matildes Pereira de Jesus. Casado com Genoveva Cândida de Bittencourt.

Os estudos iniciais realizou no Colégio dos Jesuítas, em Desterro/SC (atual Florianópolis), destacando-se nas disciplinas de Português e Latim.

A 26 de abril de 1878, foi nomeado 2ª Suplente de Delegado de Laguna.

Em 1887, passou no exame para prático de farmácia, aplicado pela Inspetoria Geral de Saúde Pública do Império do Brasil. Em seguida, associou-se à Farmácia Américo, passando a ser conhecido popularmente como “Manuel Américo”.

Após a recusa do médico “Dr. Viana” (Francisco José Luiz Viana), em atender a população, Américo foi convidado pelo governo para tratar dos doentes no Hospital São Francisco de Assis, de Laguna, reaberto em 1877. No ano de 1882, uma epidemia de varíola atingiu a localidade. O governo imperial ofereceu 4 mil réis por doente tratado, o farmacêutico Manoel aceitou tratar dos enfermos, desde que os valores fossem divididos, metade para ele e a outra para o hospital. A proposta foi aceita e, assim, em três meses a epidemia foi extinta.

Em 20 de outubro de 1883, nas eleições para composição da Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina, foi eleito com 84 votos, assumiu como Deputado, em 5 de fevereiro de 1884, e integrou a 25ª Legislatura (1884-1885). Nesta legislatura, atuou com Francisco Gonçalves da Silva Barreiros, seu parente, também eleito.

Em 1891, ficou enfermo, mas se recuperou.

Mandatos

Referências

Diversas Occurrencias: Assemblea Provincial. O Despertador. Desterro, 6 fev. 1884. p.1, Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rMjMyMjU=>. Acesso em: 26 jun. 2017.

Laguna. República. Desterro, 19 abr. 1891. p.2, Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rMjMyNDg=>. Acesso em: 26 jun. 2017.

Noticiário: Termo de Laguna. A Regeneração: Orgam do Partido Liberal. Cidade do Desterro, 25 abr. 1878. p.2-3, Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rMjMxODk=>. Acesso em: 26 jun. 2017.

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DE SANTA CATARINA. Centro de Memória. Arquivos das Legislaturas: de 1835 a 2018.

Município de Laguna. Hospital de Laguna completa 155 anos de existência. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rMjMyMDU=>. Acesso em: 26 jun. 2017.

PIAZZA, Walter F. Dicionário Político Catarinense. Florianópolis: Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina, 1994. 714 p.

PIAZZA, Walter F. O Poder Legislativo Catarinense: das suas raízes aos nossos dias 1834-1984. Florianópolis: Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina, 1984. 800 p.

STOETERAU, Lígia de Oliveira. A Trajetória do Poder Legislativo Catarinense.. Florianópolis: IOESC, 2000. 446 p.

Como citar este documento
Referência

MEMÓRIA POLÍTICA DE SANTA CATARINA. Biografia Manoel Gonçalves da Costa Barreiros. 2022. Disponível em: <https://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/biografia/651-Manoel_Goncalves_da_Costa_Barreiros>. Acesso em: 27 de junho de 2022.

Citação com autor incluído no texto

Memória Política de Santa Catarina (2022)

Citação com autor não incluído no texto

(MEMÓRIA POLÍTICA DE SANTA CATARINA, 2022)

Memória Política de Santa Catarina