José Inácio da Rocha
José Inácio da Rocha

Comerciante, natural de Imaruí/SC. Deputado na Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina, por três vezes, no século XIX.

Informações Gerais

Filiação
Inácio Vieira da Rocha e Ana Rosa de Jesus
Nascimento
27/01/1821
Local de nascimento
Imaruí/SC
Partido
Partido Conservador

José Inácio da Rocha

Nasceu em 27 de janeiro de 1821, em Samambaia, localidade pertencente à Laguna/SC (hoje ao município de Imaruí). Filho de Ana Rosa de Jesus e Inácio Vieira da Rocha.

Com o consentimento dos pais, aos 14 anos de idade foi morar no Rio de Janeiro/RJ, em outubro de 1834. Na Corte, dedicou-se ao comércio: primeiro como empregado da fábrica de chapéu Wanuzy, depois gerenciou a fábrica de chapéus, de Carlos Rocha, mais tarde abriu negócio em sociedade com Francisco da Costa Braga, denominado “Braga & Rocha”. Fez fortuna e entrou para a alta sociedade, frequentando as rodas sociais, relacionando-se com políticos, barões do café e pessoas influentes da época, tais como: Jerônimo Francisco Coelho, Jesuíno Lamego da Costa ("Almirante Lamego") e Manuel José de Sousa França ("Conselheiro Sousa França").

Voltou para Santa Catarina e, eleito pelo Partido Conservador, foi empossado Deputado na Assembleia Legislativa Provincial em 2 de março de 1862, para a 14ª Legislatura (1862-1863). Na eleição seguinte, recebeu 68 votos, ficou suplente e, convocado pela Assembleia, assumiu vaga para a 15ª Legislatura (1864-1865), em setembro de 1863.

Com o inicio da Guerra do Paraguai1, em meados de 1864, José ofereceu seus escravos ao Governo Imperial para lutarem na guerra, custeando o fardamento deles.  

Nas eleições de 7 de dezembro de 1869, novamente eleito, com 144 votos, tomou posse como Deputado na Assembleia Legislativa Provincial catarinense, integrou a 18ª Legislatura (1870-1871) e abriu mão dos subsídios de parlamentar para beneficiar o Hospital de Caridade de Laguna.

Mas não foi a única vez que foi generoso: auxiliou financeiramente nos estudos do padre Manoel João Luís da Silva (Padre em Laguna e, posteriormente, Deputado na Assembleia catarinense) e de Victor Meirelles, tornou-se famoso pintor; contribuía para obras da região; em testamento deixou consideráveis quantias para entidades de Laguna e Imaruí (três contos de réis para a Paróquia da Igreja Católica de Imaruí, seiscentos mil réis para o Hospital de Caridade de Laguna), e propriedades para serem instaladas duas escolas, uma para meninas e outra para meninos.

Condecorações e Homenagens:

  • Cavaleiro da Ordem da Rosa.
  • Rua José Inácio da Rocha, Imaruí/SC.
  • Rua José Inácio da Rocha, Itajaí/SC.

1 Que ocorreu de 1864 a 1870 e resultou na destruição do Paraguai.

Mandatos

Referências

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DE SANTA CATARINA. Centro de Memória. Arquivos das Legislaturas: de 1835 a 2018.

GUEDES, Valmir. O mistério da tela do Comendador. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rMTMzNDU=>. Acesso em: 18 mai. 2017.

JORNAL DE LAGUNA. Gente de nossa terra – Comendador José Inácio da Rocha. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rMTMzMzI=>. Acesso em: 18 mai. 2017.

PIAZZA, Walter F. Dicionário Político Catarinense. Florianópolis: Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina, 1994. 714 p.

PIAZZA, Walter F. O Poder Legislativo Catarinense: das suas raízes aos nossos dias 1834-1984. Florianópolis: Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina, 1984. 800 p.

STOETERAU, Lígia de Oliveira. A Trajetória do Poder Legislativo Catarinense.. Florianópolis: IOESC, 2000. 446 p.

Como citar este documento
Referência

MEMÓRIA POLÍTICA DE SANTA CATARINA. Biografia José Inácio da Rocha. 2019. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/biografia/552-Jose_Inacio_da_Rocha>. Acesso em: 07 de agosto de 2020.

Citação com autor incluído no texto

Memória Política de Santa Catarina (2019)

Citação com autor não incluído no texto

(MEMÓRIA POLÍTICA DE SANTA CATARINA, 2019)

Memória Política de Santa Catarina