Rogério Vieira
Rogério Vieira

Advogado e funcionário público, natural de São Francisco do Sul/SC. Prefeito na terra natal e em Florianópolis/SC, Deputado Constituinte de 1935 e de 1946, Deputado Estadual na Casa Legislativa e Deputado Federal representando os catarinenses, século XX. Secretário de Estado de Viação e Obras Públicas e de Agricultura.

Informações Gerais

Filiação
Alfredo Vieira e de Hermínia Vieira
Nascimento
03/07/1903
Local de nascimento
São Francisco do Sul/SC
Falecimento
03/09/1978
Local de falecimento
Florianópolis/SC
Formação
Direito
Profissão
Advogado e funcionário público
Partido
Partido Social Democrático (PSD) e Partido Liberal Catarinense (PLC)

Rogério Vieira

Nasceu em 3 de julho de 1903, em São Francisco do Sul/SC. Filho de Alfredo Vieira e de Hermínia Vieira. Casou com Celmira Serrão Vieira e tiveram três filhos. Era funcionário público.

Integrou a Aliança Liberal e participou em Santa Catarina da Revolução de 1930, no ano seguinte, foi nomeado Prefeito de São Francisco do Sul, por Ptolomeu de Assis Brasil, Interventor Federal que administrou o Estado de 1930 a 1932.

Compôs a comissão que elaborou o primeiro Estatuto da Associação Comercial e Industrial de São Francisco do Sul, no ano de 1933.

Pelo Partido Liberal Catarinense (PLC), candidatou-se a uma das vagas de Deputado Estadual à Assembleia Legislativa de Santa Catarina, obteve a Suplência, foi convocado em maio de 1935 para a Legislatura (1935-1937), foi Deputado Constituinte de 1935 e exerceu mandato no período.

Foi Secretário de Estado de Viação e Obras Públicas e de Agricultura, no governo de Nereu Ramos, Interventor Federal em Santa Catarina, de 1937 a 1945.

Dirigiu o Serviço de Defesa Civil e a Comissão de Salário Mínimo de Santa Catarina.

Nomeado Prefeito de Florianópolis/SC, governou o município de 2 de abril de 1941 a 15 de março de 1945, na época pertencia ao Partido Social Democrático (PSD).

Bacharelou-se em Direito pela Faculdade de Direito de Santa Catarina, em Florianópolis/SC, no ano de 1942.

Nas eleições de 1945, concorreu à vaga de Deputado Federal por Santa Catarina, pelo PSD, com 5.469 votos, ficou Suplente, foi convocado para substituir Nereu Ramos, que assumiu mandato de Senador, tomou posse em 13 de fevereiro de 1946, foi Deputado Constituinte Federal de 1946 e cumpriu o mandato ordinário na 38ª Legislatura (1946-1951).

Durante o processo de elaboração da Constituição propôs dar ao Presidente da República (e não mais ao Congresso Nacional) a prerrogativa de mudar a sede do Governo Federal e buscou assegurar a participação do capital estrangeiro na a exploração de minas e jazidas minerais em território brasileiro. Como Deputado, presidiu a Comissão de Transportes e Comunicações e a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) de Arrecadação e Aplicação das Rendas dos Institutos de Previdência Social (1946).

Em 1950, tentou a reeleição de Deputado Federal, com 4.071 votos recebidos, ficou Suplente e não foi convocado.

Foi Diretor-Geral do Instituto Benjamin Constant (IBC), de 1954 a 1956.

Presidiu o Instituto Nacional do Pinho, a partir de dezembro de 1955.

Faleceu em 3 de setembro de 1978, em Florianópolis/SC.

Homenagens

  • Rua Prefeito Rogério Vieira, Jardim Atlântico, Florianópolis/SC.
  • Rua Rogério Vieira, Nossa Senhora das Graças, Navegantes/SC.
  • Recebeu, in memoriam, na Assembleia Legislativa catarinense, troféu comemorativo pelos 500 Anos de São Francisco do Sul aos ex-Parlamentares pelos relevantes serviços prestados para a prosperidade e o bem-estar do Município, em 2004.

Mandatos

Referências

Rogério Vieira. A Noticia. Florianópolis, 24 dez. 1931. n. 1015, p.12, Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNTc0ODE=>. Acesso em: 20 nov. 2017.

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DE SANTA CATARINA. Centro de Memória. Arquivos das Legislaturas: de 1835 a 2018.

ASSOCIAÇÃO EMPRESARIAL DE SÃO FRANCISCO DO SUL. História. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNTc0OTc=>. Acesso em: 20 nov. 2017.

BRAGA, Sérgio Soares. Quem foi quem na Assembleia Constituinte de 1946: um perfil socioeconômico e regional da Constituinte de 1946. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNTc0MzU=>. Acesso em: 20 nov. 2017.

CPDOC. Fundação Getúlio Vargas. Rogério Vieira. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNTc0NjE=>. Acesso em: 20 nov. 2017.

INSTITUTO BENJAMIN CONSTANT. Projeto Memória: Rogério Vieira. 2020. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rOTg3NjE=>. Acesso em: 11 nov. 2020.

PIAZZA, Walter F. Dicionário Político Catarinense. Florianópolis: Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina, 1994. 714 p.

PIAZZA, Walter F. O Poder Legislativo Catarinense: das suas raízes aos nossos dias 1834-1984. Florianópolis: Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina, 1984. 800 p.

RODRIGUES, Natália. Revolução de 1930. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNDIyMDA=>. Acesso em: 18 dez. 2017.

SANTA CATARINA. Assembleia Legislativa de Santa Catarina. Constituição Estadual de 1935. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rMjkzMzc=>. Acesso em: 16 mar. 2017.

SANTA CATARINA. Assembleia Legislativa de Santa Catarina. Diário da Assembleia: nº 5.223. 2004. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rOTI1>. Acesso em: 24 abr. 2018.

STOETERAU, Lígia de Oliveira. A Trajetória do Poder Legislativo Catarinense.. Florianópolis: IOESC, 2000. 446 p.

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL. Resenha Eleitoral - Eleições Catarinenses 1945-1998. 2001. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNjI2OQ==>. Acesso em: 30 nov. 2017.

Como citar este documento
Referência

MEMÓRIA POLÍTICA DE SANTA CATARINA. Biografia Rogério Vieira. 2022. Disponível em: <https://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/biografia/843-Rogerio_Vieira>. Acesso em: 07 de dezembro de 2022.

Citação com autor incluído no texto

Memória Política de Santa Catarina (2022)

Citação com autor não incluído no texto

(MEMÓRIA POLÍTICA DE SANTA CATARINA, 2022)

Memória Política de Santa Catarina