Wenceslau Breves
Wenceslau Breves

Agrimensor e comerciante, natural de São João Marcos/RJ. Deputado Estadual no Parlamento Catarinense, século XX.

Informações Gerais

Nome completo
Wenceslau de Sousa Breves
Filiação
Joaquim José de Sousa Breves e Justina de Oliveira Belo de Sousa Breves
Nascimento
12/09/1892
Local de nascimento
São João Marcos/RJ
Falecimento
15/01/1964
Local de falecimento
Rio de Janeiro/RJ
Formação
Agrimensura
Profissão
Agrimensor e comerciante
Partido
Partido Republicano Catarinense (PRC)

Wenceslau Breves

Nasceu em 12 de setembro de 1892, na fazenda de São Joaquim da Grama, em São João Marcos/RJ (atual município de Piraí).

Filho de Joaquim José de Sousa Breves e de Justina de Oliveira Belo de Sousa Breves. Irmão de Joaquim, Luiz, Cecília, Maria Eulália, Justina, Carmem, Evangelina, Lali, Victor e Maria da Conceição.

Seu avô paterno, o Comendador Joaquim José de Sousa Breves, nasceu na Fazenda Manga Larga, em São João Marcos (atual distrito de Rio Claro/RJ), era fazendeiro, militar da Guarda Nacional brasileira, o "Rei do Café" na época imperial, e descendente do açoriano Capitão-Mor José de Sousa Breves - que foi desbravador da região.

Wenceslau estudou até os 12 anos de idade na própria fazenda, com professores franceses, e concluiu sua formação em Niterói/RJ.

Casou com Maria Correia Breves e tiveram o filho Joaquim Sérgio Correia de Sousa Breves. Entre os padrinhos de casamento estavam Victor Konder e Adolfo Konder. Seu neto, Joaquim José de Sousa Breves Filho, foi Deputado Geral na Assembleia Legislativa do Império pelo Rio de Janeiro e Vereador em São João Marcos.

Wenceslau era funcionário da Secretaria da Fazenda, Viação e Agricultura de Santa Catarina e como membro da Comissão Técnica discriminadora de Terras do Estado efetuou demarcações de terras no Oeste catarinense, de 1919 a 1924. Demarcou terras em Chapecó/SC, concedidas à Empresa Colonizadora Bertaso, Maia & Cia.

Assumiu a Agência do 8º Distrito de Terras (1924), que abrangia Chapecó e Cruzeiro/SC (atual Joaçaba).

Em Chapecó, foi Conselheiro (atual cargo de Vereador) e Presidente do Conselho Municipal de Chapecó.

Como agrimensor percorreu as várias localidades do município a serviço do Governo do Estado e da Empresa Colonizadora Bertaso, Maia & Cia.

Pelo Partido Republicano Catarinense (PRC), candidatou-se a vaga de Deputado Estadual à Assembleia Legislativa de Santa Catarina, em razão da renúncia do Deputado Manoel do Nascimento Passos Maia, eleito com 15.869 votos, participou da 14ª Legislatura (1928-1930).

Exerceu o cargo de Inspetor das Estradas de Rodagens e Minas, de 1927 a 1929.

Após 1930, fundou a Construtora Irmãos Breves, empreiteira de obras públicas no Rio de Janeiro, e foi seu Diretor Presidente.

Faleceu em 15 de janeiro de 1964, no Rio de Janeiro/RJ.

Obra

O Chapecó que eu conheci. O texto trata de aspectos da cultura, do cotidiano e dos embates políticos do período ocorridos no município e na região.

Imagem 

Foto - Casa do Comendador Joaquim Breves, o homem mais rico do país na época
Fonte: Reprodução/ PAIVA, Aurélio. (Diário do Vale, 2015).

Mandatos

Referências

Corregedoria. Mensagem apresentada á Assembléa Legislativa, a 11 de agosto de 1929, pelo doutor Adolpho Konder, Presidente do Estado de Santa Catarina . Florianópolis, 29 ago. 1929. p.51-57, Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNDkzMzI=>. Acesso em: 24 nov. 2017.

Directoria do Commercio: Relação dos contratos, alterações de contratos distratos e firmas individuaes, despachados em 25 de janeiro ultimo . Correio da Manhã. Rio de Janeiro, 2 fev. 1937. n. 12954, p.14, Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNDk1OTI=>. Acesso em: 24 nov. 2017.

Dr. Wenceslau Breves: Inspector de Estradas de Rodagem. Republica: Orgão do Partido Republicano Catharinense. Florianópolis, 28 set. 1927. n. 299, p.3, Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNDg5MTI=>. Acesso em: 24 nov. 2017.

Wenceslau Breves. O Estado: Empresa Editora " O Estado" Limitada. Florianópolis, 7 ago. 1928. n. 4266, p.2, Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNDkzMDk=>. Acesso em: 24 nov. 2017.

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DE SANTA CATARINA. Centro de Memória. Arquivos das Legislaturas: de 1835 a 2018.

BREVES, Wenceslau de Souza. O Chapecó que eu conheci. Revista do Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina, Florianópolis, v. 3, n. 4, p.7-73, 1 jan. 1985. Mensal. Revista do Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina.

CPDOC. Fundação Getúlio Vargas. Verbete Biográfico: Joaquim Breves. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNDkxNzI=>. Acesso em: 24 nov. 2017.

FAMILYTREES. Famílias de Piraí - Rio de Janeiro: Wenceslau de Souza Breves. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNDk0MDA=>. Acesso em: 24 nov. 2017.

GENI. Wenceslau de Souza Breves. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNDkzNjE=>. Acesso em: 24 nov. 2017.

PAIVA, Aurélio. São João Marcos: Vida, paixão e morte de uma cidade. Diário do vale. Niterói, RJ, 24 mai. 2015. n. 1, p.1, Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNDg4ODk=>. Acesso em: 24 nov. 2017.

PIAZZA, Walter F. Dicionário Político Catarinense. Florianópolis: Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina, 1994. 714 p.

PIAZZA, Walter F. O Poder Legislativo Catarinense: das suas raízes aos nossos dias 1834-1984. Florianópolis: Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina, 1984. 800 p.

RADIN, José Carlos; VALENTINI, Delmir; ZARTH, Paulo A. (Org.). História da Fronteira Sul: 8 - Um olhar sobre a colonização da fronteira sul. Chapecó: Editora UFFS, 2015. 352 p. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNDk0ODM=>. Acesso em: 24 nov. 2017.

SENCZKOWSKI, Lizabete Emilia. A Categoria Intrusos na História da Colonização do Oeste Catarinense: Expropriação e Resistência. 2017. 53 f. TCC (Graduação) - Curso de História, , Universidade Federal da Fronteira Sul, Chapecó, 2017. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNDk1MzM=>. Acesso em: 24 nov. 2017.

VOJNIAK, Fernando. Iluminar a inteligência e educar a afetividade: Uma história do gênero masculino no Oeste Catarinense (1950 -1970). 2004. 177 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de História, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2004. Disponível em: <http://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/rNDkyMTQ=>. Acesso em: 24 nov. 2017.

Como citar este documento
Referência

MEMÓRIA POLÍTICA DE SANTA CATARINA. Biografia Wenceslau Breves. 2022. Disponível em: <https://memoriapolitica.alesc.sc.gov.br/biografia/925-Wenceslau_Breves>. Acesso em: 29 de novembro de 2022.

Citação com autor incluído no texto

Memória Política de Santa Catarina (2022)

Citação com autor não incluído no texto

(MEMÓRIA POLÍTICA DE SANTA CATARINA, 2022)

Memória Política de Santa Catarina